Pane seca: tudo o que você precisa saber sobre o assunto

Publicado em 21/10/2021 / Atualizado em 28/10/2021

Não deveria ser assim, mas andar com o carro na reserva já se tornou um costume para muitas pessoas. Esse mau hábito pode trazer problemas não só ao tráfego, como causar a chamada pane seca que, além de comprometer o motor do veículo, ainda pode gerar multa ao condutor. 

Você sabia disso? No post de hoje vamos explicar os prejuízos de dirigir com o carro na reserva. Acompanhe! 

As consequências causadas pela pane seca 

Como dissemos, a pane seca pode acarretar alguns problemas para o veículo e para o condutor. Entenda: 

Para o carro 

O componente que mais sofre após a pane é a bomba de combustível. Isso porque ela é responsável por levar o álcool ou gasolina do tanque para o sistema de injeção. A peça fica mergulhada no combustível para garantir a lubrificação e uma temperatura ideal. Quando não há gasolina ou etanol, ela superaquece e queima. 

Além da bomba, o sistema de injeção é outra parte que pode ser prejudicada. Ao circular na reserva, as sujeiras e impurezas que se acumulam no fundo do tanque acabam passando para ele. 

Para o motorista 

Muita gente se esquece que a pane seca também gera multa ao condutor, pois provoca risco no trânsito. Segundo o artigo 180 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), a infração pode render 4 pontos na carteira e um valor de R$130,00. 

Como evitar a pane seca: o que deve ser observado?

A resolução é simples: manter o veículo sempre abastecido, próximo ou acima de ¼ da capacidade do tanque. 

No entanto, é importante verificar também se não há algum outro motivo por trás, como consumo excessivo do combustível ou se o marcador no painel está funcionando de modo incorreto. Por isso, se perceber que o automóvel está “bebendo mais gasolina” do que o normal, é preciso investigar o que está acontecendo. O mesmo vale para o marcador. 

E então, curtiu este conteúdo? Para conferir outros posts como esse, continue acompanhando nosso blog e nos siga nas redes sociais! 

E se tiver alguma dúvida, nos deixe um comentário!

Notícias relacionadas
Histórico do veículo: confira 6 pontos que devem ser analisados!
As aparências podem enganar! Não basta olhar somente a estrutura do carro no momento de fechar um negócio, o histórico do veículo é capaz de revelar muito mais do que a sua boa estética. Confira, portanto, 6 fatores que devem ser analisados!
Entenda por que indicar o seguro auto ao seu cliente
Você indica o seguro auto aos seus clientes quando fecha uma venda? Confira agora a importância de conscientizá-los sobre as vantagens do serviço!
Confira as principais dúvidas sobre a CNH digital
Apesar de ser válida como documento oficial em todo o território nacional desde 2018, ainda existem muitas dúvidas sobre a CNH digital. Confira, então, as principais perguntas sobre a nova versão da carteira de habilitação!
O que você precisa saber sobre a busca e apreensão de veículo
Entenda agora como funciona o processo de busca e apreensão de veículo, como saber se o automóvel foi financiado e como resolver a situação!
Ações de marketing para aumentar as vendas na sua revenda de veículos
Já pensou em utilizar ações de marketing para aumentar as vendas da sua revenda de carros? Confira agora 5 dicas práticas que podem tornar o seu negócio mais visível no meio digital!
10 modelos de veículos que mais valorizaram no final de 2020
Um levantamento feito nos últimos meses do ano passado, revelou uma situação atípica no setor automotivo: alguns veículos seminovos foram valorizados. Confira agora quais são os modelos!
Revisão de carro: como preparar os veículos da sua revenda
A revisão de carro é uma forma de garantir melhores negociações para sua revenda. Por isso, listamos 5 fatores que merecem ser avaliados antes da venda acontecer. Confira já!
Seguro auto: os carros da sua garagem são aceitos por algum?
Os carros que você vende são aceitos por algum seguro auto? Entenda agora a importância dessa informação para o seu cliente e veja o que pode interferir na contratação do serviço!
Combustível adulterado: 5 sinais para te ajudar a identificar!
Saiba como identificar combustível adulterado! Preparamos 5 dicas que vão te ajudar a detectar se o combustível que você usa é de boa qualidade!
Quilometragem adulterada: como identificar em um carro seminovo?
Quilometragem adulterada é uma das preocupações de quem vai adquirir um carro. Confira 5 dicas básicas de como identificar se há algo de errado com o veículo!

#AutoDicas

Como saber se o veículo tem passagem por leilão e sua gravidade?
A consulta Leilão Prime traz informação de 7 banco de dados diferentes, os quais englobam desde passagens por leilões registros de locadoras e mercado securitário. Além disso a consulta verifica a classificação do veículo.
Confira a consulta ideal
Existe alguma forma de saber se o veículo foi sinistrado?
Sim. Através da consulta Acidentes e Procedência, terá o apontamento da existência, ou não, do acionamento do sinistro.
Confira a consulta ideal
Por que saber se um veículo tem passagem por Roubo e Furto?
O veículo com passagem por Roubo e Furto sofre grande desvalorização, podendo chegar até 30% de sua tabela FIPE.
Confira a consulta ideal
Como faço para saber se o veículo é assegurável independentemente do condutor?
Através da consulta Radar Securitário você recebe uma avaliação com mais de 15 seguradoras a respeito da aceitação do seguro, preço médio e aceitação da FIPE.
Confira a consulta ideal
Consigo verificar as restrições do veículo sem o RENAVAM?
Em nossa consulta de Débitos você identifica todos os tipos de restrições, tais como alienação fiduciária (financiamento), RENAJUD, dados cadastrais estaduais e muito mais.
Confira a consulta ideal
Posso ter problemas de transferência do veículo por conta do proprietário anterior?
Sim, pois caso o proprietário atual do veículo esteja envolvido em algum processo, você terá chances de ter problemas na transferência. Através da consulta RENAJUD, você verifica a existência e número do processo.
Confira a consulta ideal