Tendências do mercado automotivo: o que mudou no setor?

Que o mercado automotivo vem sofrendo quedas e problemas de produção desde 2020 não é novidade para ninguém. Além da pandemia, que causou um dos maiores impactos no setor, a alta do dólar e a falta de componentes semicondutores também influenciaram. 

No entanto, o segmento teve diversas mudanças devido ao avanço da tecnologia e aos novos hábitos de consumo pós-pandemia. 

Segundo Luís Antônio Sebben, vice-presidente da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave):

“o cliente passou por uma transformação digital brusca que não teve volta, mesmo com o fim do lockdown”. 

Diante disso, percebemos que as tendências automotivas para este e para os próximos anos, devem seguir por este caminho: o da tecnologia! 

Saiba mais a seguir! 

Tendências do mercado automotivo: o que há de novo no setor

1. Conectividade 

Conexão wi-fi e bluetooth já não são uma surpresa, mas nem todos conseguem adquirir um automóvel com essas funções por serem mais caros.

Com a implementação da tecnologia 5G e da IoT (Internet das Coisas), a tendência, porém, é que essas conectividades sejam cada vez mais comuns nos veículos. 

2. Aumento dos veículos elétricos

Apesar de ainda haver um longo caminho a percorrer, o interesse e a demanda pelos carros elétricos têm crescido. À medida que os consumidores estão mais conscientes sobre as questões ambientais e os modelos eletrificados vão ficando mais acessíveis, os números crescem. 

3. Carros e recursos autônomos

Os recursos para carros autônomos também já estão dando o que falar e se tornando realidade. Várias montadoras começaram a desenvolver e testar automóveis com esse tipo de tecnologia. 

A ideia é que os veículos consigam enviar e receber dados em tempo real sobre condições do trânsito, acionar sistema de direção, estacionamento, freio, identificar objetos a longa distância, situações de risco e difíceis de serem detectadas. 

4. Aumento dos serviços de compartilhamento de carros 

Os serviços de compartilhamento de carros, como a Uber, estão ganhando popularidade em muitas cidades brasileiras. É muito provável que essa tendência siga em crescimento. 

5. Sustentabilidade e consciência ambiental

Como dissemos, os consumidores estão demonstrando cada vez mais interesse por questões sustentáveis e isso já pode ser percebido na hora de escolher um carro. Hoje, muitos compradores levam em conta fatores ambientais antes de decidir qual automóvel levar.

Essa consciência de consumo está impulsionando não só o desenvolvimento de VE, como a melhoria dos combustíveis para veículos tradicionais. O hidrogênio verde, por exemplo, é uma alternativa que poderá gerar um combustível menos nocivo e que apareceu em discussão nas últimas semanas na Comissão Especial para Debate de Políticas Públicas sobre Hidrogênio Verde. 

6. Compras online

A compra de veículos por meio de e-commerces ou plataformas de anúncios é outra modalidade em crescimento. Muitos consumidores preferem pesquisar o carro pela internet, fazer comparação entre modelos, agendar test drive e até mesmo finalizar a compra de modo online. Além disso, diversas lojas de carros oferecem serviço de pós-venda através da internet.

Como vimos, o setor automotivo está sendo guiado pela transformação digital e pelo novo comportamento de consumo. Por isso, vale a pena ficar atento a todos esses fatores para adequar as estratégias de vendas da sua loja de carros e não perder oportunidades.

E então, gostou desse conteúdo? Acessando nosso blog, você encontra muitos outros materiais com informações, dicas de consultas veiculares e notícias sobre o mercado auto. Não perca!

Ficou com alguma dúvida? Escreva seu comentário aqui embaixo! 

POSTS RELACIONADOS

Olá, posso ajudar?