O que aconteceu com a consulta de proprietários anteriores?

Publicado em 08/11/2019 / Atualizado em 08/09/2021

Alguns meses atrás a FENASEG (Federação Nacional das Empresas de Seguros Privados e de Capitalização) interrompeu a disponibilização da informação de proprietários anteriores. Antes de falar do futuro dessa decisão, você sabia exatamente a base dessa informação para todas as empresas de informações veiculares no Brasil?

A origem da informação

Muitos não sabiam, mas essa informação por muitos foi entendida como relação de proprietários que o veículo já teve, seja para defender um preço melhor no momento da venda informando primeiro ou segundo dono, seja para reduzir a oferta por um histórico de vários proprietários. O que poucos sabia é que essa informação sempre foi extraída com base no registro de comprovantes do DPVAT (Seguro Obrigatório de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Vias Terrestres). Logo, se o veículo tivesse sido revendido dentro do prazo de validade do DPVAT, essa informação não seria computada. Ao contrário do que muitos pensavam, informação a qual era obtida através da transferência do veículo.

O bloqueio da informação para todo o mercado

Em agosto de 2018 essa informação foi descontinuada por sua única fornecedora, a FENASEG, pois alguns meses depois entrou em vigor a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPDP), a qual regula toda e qualquer divulgação dos dados pessoais. Sendo assim, por conta dessa informação e outras decisões da federação o dado foi descontinuado e as empresas que continuaram ou continuam comercializando esse dado, dispõem de uma base utilizada até esta data, não sendo atualizada e não entregando o dado como deveria ser entregue.

Existe alguma maneira de conseguir a informação de proprietários anteriores por transferência?

Infelizmente através de uma consulta, não é mais possível até o presente momento deste artigo, mas existe outro caminho.

Para obter essa informação, você precisará localizar o DETRAN de seu estado e solicitar uma certidão de veículo ou de proprietário, a qual precisará preencher uma requisição e pagar uma taxa para poder baixar a relação.

A disposição dessa informação vai depender de cada DETRAN, além do que o valor da taxa também poderá variar de Estado para Estado. Um exemplo dessa possibilidade é o Estado do Paraná, confira aqui.

O futuro dessa informação

Até o presente momento existem muitas incertezas sobre essa informação e como solucionar esta dúvida para cada revendedor. Como a AutoList preza muito por sua idoneidade e ações legalizadas, temos uma equipe que acompanha o mercado a fim de buscar informações complementares que possam trazer a solução mais adequada para o processo de avaliação e compra de um veículo.

Notícias relacionadas
O mercado de carros seminovos durante a pandemia do coronavírus
A chegada do coronavírus mudou o mercado, de maneira geral, e o hábito de consumo das pessoas. Saiba agora como anda o mercado de carros seminovos durante a pandemia!
Seguro auto: os carros da sua garagem são aceitos por algum?
Os carros que você vende são aceitos por algum seguro auto? Entenda agora a importância dessa informação para o seu cliente e veja o que pode interferir na contratação do serviço!
Você precisa conhecer: 6 novas tecnologias automotiva
A tecnologia automotiva não para de inovar e surpreender. Confira agora 6 novas super ideias que foram criadas ou estão em desenvolvimento!
Para que serve a consulta de Gravame e como fazê-la?
Dentre tantas verificações que precisam ser feitas no momento de comprar um automóvel, principalmente seminovos e usados, muitas pessoas tendem a esquecer do gravame. Saiba o que é e para que serve a consulta de gravame agora mesmo!
Veículo clonado: como funciona? O que fazer nessa situação?
Veículo clonado é um tipo de fraude mais comum do que imaginamos. Saiba, portanto, como identificar uma clonagem e o que fazer nessa situação.
Como consultar o veículo pela placa? O que dá para saber?
Saiba agora como consultar um veículo pela placa e quais informações você pode ter acesso através dessa pesquisa.
Conheça 8 fatores que influenciam a desvalorização de um carro
Zero, usado ou seminovo, todo veículo perde valor assim que sai da concessionária ou garagem. Essa desvalorização do carro é natural e inevitável, por mais que doa aceitar. No entanto, existem alguns fatores que podem influenciar esse processo.
Histórico do veículo: confira 6 pontos que devem ser analisados!
As aparências podem enganar! Não basta olhar somente a estrutura do carro no momento de fechar um negócio, o histórico do veículo é capaz de revelar muito mais do que a sua boa estética. Confira, portanto, 6 fatores que devem ser analisados!
Responsabilidades na revenda de veículos, o que você precisa saber
Uma venda não termina quando o cliente faz o pagamento. Saiba quais as responsabilidades na revenda de veículos que você precisa ter!
Ações de marketing para aumentar as vendas na sua revenda de veículos
Já pensou em utilizar ações de marketing para aumentar as vendas da sua revenda de carros? Confira agora 5 dicas práticas que podem tornar o seu negócio mais visível no meio digital!

#AutoDicas

Como saber se o veículo tem passagem por leilão e sua gravidade?
A consulta Leilão Prime traz informação de 7 banco de dados diferentes, os quais englobam desde passagens por leilões registros de locadoras e mercado securitário. Além disso a consulta verifica a classificação do veículo.
Confira a consulta ideal
Existe alguma forma de saber se o veículo foi sinistrado?
Sim. Através da consulta Acidentes e Procedência, terá o apontamento da existência, ou não, do acionamento do sinistro.
Confira a consulta ideal
Por que saber se um veículo tem passagem por Roubo e Furto?
O veículo com passagem por Roubo e Furto sofre grande desvalorização, podendo chegar até 30% de sua tabela FIPE.
Confira a consulta ideal
Como faço para saber se o veículo é assegurável independentemente do condutor?
Através da consulta Radar Securitário você recebe uma avaliação com mais de 15 seguradoras a respeito da aceitação do seguro, preço médio e aceitação da FIPE.
Confira a consulta ideal
Consigo verificar as restrições do veículo sem o RENAVAM?
Em nossa consulta de Débitos você identifica todos os tipos de restrições, tais como alienação fiduciária (financiamento), RENAJUD, dados cadastrais estaduais e muito mais.
Confira a consulta ideal
Posso ter problemas de transferência do veículo por conta do proprietário anterior?
Sim, pois caso o proprietário atual do veículo esteja envolvido em algum processo, você terá chances de ter problemas na transferência. Através da consulta RENAJUD, você verifica a existência e número do processo.
Confira a consulta ideal